Alcançando a cura através da Projeção Astral

January 11, 2020

 

Sabemos que o propósito maior nos estudos da projeção astral, é o aproveitamento de nos tornarmos seres assistenciais no plano espiritual. Através da nossa energia, nossos amparadores completam a ajuda aos irmãos desencarnados que estão em psicose pós-morte ou mesmo àqueles que não querem ser assistidos, conhecidos como assediadores Lembrando que, mesmo os assediadores, são nossos irmãos de jornada, de evolução, de erros e acertos assim como nós e merecedores da mesma luz que recebemos e emanamos.
Nas assistências extrafísicas, podemos tratar o enfermo e sermos tratados também. Além do que, podemos resgatar situações mal resolvidas tanto com seres desencarnados como com amigos ou parentes encarnados, que, na vigília, não conseguimos acessá-los como gostaríamos. Quando digo acessá-los, me refiro a conversa de Alma para Alma, onde ocorre a comunicação e sintonia entre os corpos mentais das partes, ou seja, de consciência para consciência.
O Tratamento Projetivo dado aos assistidos por nós projetores, sempre se faz através da orientação do nosso amparador que está assistindo invisível ou invisivelmente a nós, ou pela intuição canalizada, ou pela clariaudiência.
Um dos objetivos dessa assistência é que, ao reencarnarmos, a carga vital inserida em nossos corpos físicos, deveria durar mais de 100 anos. Porém, nossos corpos físicos duram menos, e isso está relacionado ao Planeta em que vivemos, o tipo de evolução que aqui experienciamos, o Karma, carências emocionais entre outros. Assim sendo, quando a “emulsão”, que consideramos ser o campo bioelétrico (duplo etérico) somado à carga vital do encarnado, e o corpo já velho e desgastado, o espírito desacopla mais facilmente e desencarna.
Se o espírito desencarna fora da hora, a sua carga vital é ainda maior, e ele não tem nenhuma noção do mundo espiritual. Provavelmente se tornará um encosto de pessoas encarnadas com o propósito de trocar energias de carências. E é nesse momento que entra o papel do projetor, por portar ainda a carga vital e o duplo etérico (campo bioelétrico) que os amparadores usam como conexão para dar uma descarga de energia que restou no espírito desencarnado. Assim, ele fica mais sutil e livre para ser encaminhado ao plano espiritual, tirando-o da crosta terrestre. Como os amparadores são muito sutis em relação a nós, encarnados, e aos desencarnados, somos usados por eles para fazerem esse link.
Um conselho: Não se sintam solitários nessa tarefa assistencial, pois se não sentem a presença do amigo amparador ao eu lado, é porque o seu corpo espiritual é bem sutil e, por esse motivo, embora esteja presente no ambiente, a sua presença pode não ser perceptível. E sem esquecer que dentro de si, há um potencial espiritual anímico enriquecedor que, em conjunto com o amparador, surti uma ajuda extraordinária.
Essas assistências podem ocorrer tanto no plano físico (hospitais, cemitérios, favelas, presídios etc) como no plano espiritual, amparando doentes encarnados projetados e doentes desencarnados nos hospitais astrais e no plano mais denso, conhecido como umbral.
Esse tratamento pode ser de origem orgânica, psíquica ou parapsíquica do projetor ou de outros assistidos por nós. Chamamos esse procedimento de cura à distância, sendo exercida diretamente, do lado extrafísico, por aplicação de impulsos energéticos (ou energia da própria consciência) concentrados no campo bioelétrico (duplo etérico) e no psicossoma (corpo espiritual) do paciente, ou pela atuação da vontade diretamente do corpo mental.
Cabe lembrar que, o tratamento projetivo usa, além das irradiações energéticas a distância e o desassédio extrafísico, através do o psicossoma, emprega principalmente o uso da energia terapêutica à consciência sediada no corpo mental, em busca do reconhecimento de seus erros na jornada evolutiva.
Como as doenças são geradas em grande maioria no corpo mental, através dos pensamentos, e passadas para o psicossoma, que é o corpo das emoções, através dos sentimentos desordenados, consequentemente o próximo passo para essa desordem é atingir o corpo físico, onde está diretamente ligado ao campo bioelétrico. Por essa razão o melhor processo terapêutico é atacar o sistema energético do duplo conjugado ao psicossoma do paciente gerando alterações instantâneas positivas através de transfusões de energias, tanto nos pacientes encarnados como desencarnados.
Podemos fazer esse trabalho com nossas próprias exteriorizações de energias, ou com o auxílio dos amparadores. Para isso, basta lucidez, amor, compaixão, boa intenção e conhecimento a respeito do que faz, estudando as áreas afetadas e o sistema de chakras. Não esquecendo que, à partir do momento que um amparador intervém no tratamento, podemos perder um pouco a lucidez por conta do excesso de energia que portamos para o desprendimento no momento da cura.
Através dessa assistência extrafísica, os amparadores nos promovem uma série de eventos como forma de ajuda e reconhecimento da nossa boa vontade de aprender e de cooperar. Eles facilitam os encontros extrafísicos com amigos envolvidos em nossas vidas para resgatarmos situações mal resolvidas, promovem tratamentos projetivos de cura física e emocionais como por exemplo, um caso de assédio que trazemos de outras vidas. Os amparadores promovem o confronto direto com essas entidades para que possamos atuar diretamente em seu corpo mental, dinamizando o processo terapêutico. Devemos aproveitar a ajuda dos amparadores e emitir sentimentos de amor e compaixão nesse momento para que a cura seja feita.
Se há um parente ou amigo viciado, seja em drogas, bebida, fumo etc e você queira ajudá-lo, basta noite após noite, pedir a ajuda dos amparadores para promoverem um encontro através da projeção astral, e, mente a mente, a desistência natural do vício sugerida por você através do acoplamento áurico será realizada.
Caso você mesmo esteja precisando de uma cura de algum órgão, ou alguma doença recém instalada em seu corpo físico, poderá acordar projetado no meio da noite, apenas um pouco descoincidente, e perceber-se recebendo o tratamento projetivo através de raio lazer diretamente no local doente, instalações de aparelhos extrafísicos de cura, passes e rajadas energéticas terapêuticas ordenando suas células novamente. Isso ocorrerá, devido à suas emoções não terem sido sanada no corpo mental e nem no corpo astral (psicossoma), pois o que não conseguiu ser tratado no mental e nem no emocional, passa-se para o corpo físico gerando uma doença física.
Devo lembrar que, o tratamento projetivo deve ser conjugado ao tratamento medicinal tradicional quando afetado o corpo físico, por considerarmos que, um ajuda no processo do outro gerando um melhor resultado.
Já vi projetores serem curados desde uma simples infecção dentária até pedras nos rins, cistos e miomas, calcificações em seios entre outros.
Mas a maior gratidão não é receber só a cura, mas sentir a leveza dos nossos irmãos ao serem assistidos e estando dispostos a nos perdoarem por um passado que não existe mais compreendendo nossa mudança de padrão de emocional para amoroso. Havendo a transformação do não julgar para apenas sentir e amar, já é tudo. Mudar é renovar-se num movimento contínuo.
Aconselho a todos a se tornarem especialistas em assistentes extrafísicos para promoverem não a si próprios, mas aos outros irmãos a possibilidade de reflexão, ponderação, análise e desfecho de seus erros passados transformando-os em mais sábios no caminho do despertar!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Agenda de Cursos

January 10, 2020

1/1
Please reload

Posts Recentes

February 13, 2020

January 10, 2020

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square